10 ERROS SEXUAIS QUE AS MULHERES NÃO DEVEM COMETER

Mesmo sendo uma expert quando o assunto é sexo, você pode cometer muitos erros na “hora H”. Entre eles, há alguns que podem apagar a chama da paixão para sempre. Por isso, melhor evitá-los.

Não é verdade que só as mulheres são sensíveis durante e depois do sexo, eles também ficam irritados em certos dias e podem interpretar de forma errada algo que você disse ou fez durante a relação sexual. Críticas, mau humor, falta de carinho, atuar como se ele fosse um escravo sexual são coisas que podem funcionar para uma ou outra fantasia, mas não a todo tempo.

 Image
Saiba como agir para evitar os dez maiores erros na cama.  
 
Não critique seu físico
Você gostaria que alguém comentasse sobre suas gordurinhas extras durante o sexo? Eles também não. É importante aceitar o outro como ele é, sem destacar a todo momento os seus defeitos. Além de se sentir incomodado, essa atitude cortará toda a inspiração do momento.
 
 Não critique suas partes “íntimas”
Sabemos que a “parte sexual masculina” é um drama para todos os homens. Se for maior, menor, mais duro ou não que o do seu parceiro anterior, não há motivos para discutir sobre isso. Muitos homens sofrem de insegurança e a crítica é motivo suficiente para que eles não queiram ter mais nenhum tipo de intimidade com você.
 
Não o compare
É fato que ao encontrar um parceiro novo, as comparações começam a brotar na sua cabeça. Você pensa no que o outro fazia melhor e em quais pontos o atual vence. A verdade é que nenhum homem é perfeito na arte do sexo e muito menos um é igual ao outro. Enquanto essas comparações existirem, você não estará totalmente entregue ao parceiro. Lembre-se: eles sempre querem ser os únicos e melhores.
 
 Não divulgue sua lista
É ótimo ter tido diversos parceiros antes de encontrar a alma gêmea, pois dessa forma você pôde acumular conhecimento na área. Mas evite comentar sobre seu extenso prontuário. Ele não se sentirá bem ao saber da história de sua vida sexual. Além do mais, o atual pode se questionar se está a altura dos anteriores.
 
 Diga não a passividade
É verdade que eles gostam de ter o controle, mas, às vezes, os homens preferem que as parceiras tomem a iniciativa. Eles gostam de receber e não só de atuar. Por isso, ser sempre a passiva no jogo amoroso pode levar a relação à rotina e deixar o sexo um pouco entediante.
 
 
Mantenha a intimidade
Eles odeiam saber que você conta nos mínimos detalhes para suas amigas o que acontece nas relações sexuais, sejam as peripécias ou os fracassos. Você pode relatar seus sentimentos e briguinhas bobas, mas jamais o que ocorre entre quatro paredes. Caso isso ocorra, ele se sentirá traído.
 
 Lembre-se: ele não é seu empregado
Há momentos em que eles ficam encantados em ser seu escravo sexual. Mas antes de tomar essa atitude, confirme se esta é uma vontade do seu parceiro. Primeiro sugira ou tome essa atitude se ele pedir. Os homens também se preocupam em saber quais são as preferências das mulheres, ainda que não reconheçam, eles vêem o sexo como algo que vai além de um ato de meramente carnal.
 
Ele não é de ferro
Não é porque ele é homem que passa a maior parte do tempo pensando em sexo. Há situações que podem incomodá-lo, como ter relações quando você está naquele período crítico do mês. Não o obrigue a fazer algo que não queira.
 
 Dê um respiro
Talvez você possa recuperar o fôlego rapidamente depois de um orgasmo, mas com eles não é bem assim. Depois da ejaculação, o membro masculino se relaxa e é necessário um tempo para que volte a se ativar. Por isso, nem tente excitá-lo logo após o ápice da relação, esse pode ser um momento um pouco desagradável.
 
 Pare de se mover
Quando eles chegam ao orgasmo, a glande fica extremamente sensível, por isso, continuar se movimentando pode gerar dor. Tente permanecer imóvel por alguns instantes.
 
 
Fonte: Fina e Rica
Anúncios

Prazer Tamanho GG – 10 posições sexuais para gordinhos

sexo-entre-gordinhos-01-31037

Cada posição tem seu nível de prazer. Saiba quais são as mais gostosas:

1. Frango assado

Das posições em que ele fica por cima, esta é a melhor. É preciso ter uma boa abertura de perna e deixar o bumbum para cima. Assim, o gato consegue entrar bem fundo e roçar meu clitóris!
Nível de prazer: GG

2. Papai e mamãe

Como minha barriga esparrama para os lados e afunda, a dele se encaixa direitinho e permite a penetração normalmente. Ele precisa fazer bastante força para estocar fundo.
Nível de prazer: M

3. De pé

Esta posição permite que eu jogue o peso do corpo sobre a perna, o que dá bastante estabilidade. E é mais fácil ainda quando estou de costas para ele. Fica

mais confortável e prazeroso!
Nível de prazer: G

4. De quatro

É a minha preferida. Apesar do meu

bumbum grande, o Rafa consegue penetrar mais profundamente do que nas outras posições. O único ponto negativo é que demoro mais para gozar, o que tem a ver com a estimulação do clitóris, e não com o fato de eu ser gordinha.
Nível de prazer: GG

5. Cavalgada

É fan-tás-ti-ca! O Rafa coloca um apoio embaixo da cabeça e eu sento sobre ele com as pernas bem abertas (obrigada, aulas de dança!). Só não posso pular muito, porque o pênis dele escapa. Aí, me movimento de um jeito lento, forte e bem colocado.

Nível de prazer: GG

6. Espanhola

Sou uma gordinha com seios grandes e adoro uma espanhola! A barriga do Rafa é grande, mas não cobre a minha visão. Nos olhamos o tempo todo. Uiiii…
Nível de prazer: GG

7. De ladinho

Hummm, esta é meio difícil. Não dá para fazer exatamente de conchinha, porque ficamos muito longe. Para dar certo, me flexiono para frente e o Rafa tem que se encaixar em mim um pouco mais abaixo.
Nível de prazer: M

8. Carrinho de mão

De zero a cinco, o grau de dificuldade desta é cinco. Cansa muito e, se o cara não for forte, não aguenta segurar o meu peso. Já bati muito joelho e perna no chão fazendo essa posição…
Nível de prazer: P

9. Na beira da cama

Posição complexa, mas gostosa. O Rafa fica sentado na beira da cama e eu me posiciono como se fizesse a cavalgada invertida: apoio os joelhos na cama e os cotovelos no chão. A penetração é forte! Não fica nenhuma gordurinha no caminho!
Nível de prazer: G

10. 69

O Rafa adora, mas acho a logística difícil. Como a gente fica meio afastado, não alcanço direito o pênis dele. Não dá para fazer o oral chegar no talo, sabe? Prefiro oral convencional.
Nível de prazer: M

CONFIRA 9 ERROS MASCULINOS QUE ELAS ODEIAM NA CAMA

Quer causar boa impressão na cama e, quem sabe, conseguir novos encontros com a pretendente? Então, fique atento e fuja de nove grandes erros masculinos.

1 – Pular preliminares
Mulheres gostam de preliminares. Não seja egoísta. E não se esqueça de beijá-la, de preferência antes, durante e depois.

2 – Sexo mecânico
Não faça sexo de maneira mecânica. Mulheres (e homens) odeiam momentos a dois chatos, metódicos e previsíveis.

3 – Falta de higiene
Provavelmente, ela não vai querer uma segunda vez se o homem estiver sem tomar banho, com hálito ruim, unhas sujas e compridas. Cuide-se.

4 – Sexo bruto ou doloroso
Mulheres preferem movimentos suaves com os dedos. Portanto, tome cuidado quando for manipular seus mamilos e outras partes sensíveis. Algumas mordidas podem ser interessantes, mas sem machucar.

5 – Muito quieto ou muito barulhento
A maioria dos homens gosta que as mulheres façam barulho durante o sexo, mas poucos sabem que elas também gostam de saber que eles estão gostando. Mas também não fale demais ou fique perguntando a toda hora “Está gostando disso?”, “O que quer que eu faça?”. Às vezes, o som da respiração mais pesada já é o suficiente.

6 – Palavras picantes
Se vocês estão juntos há pouco tempo e não sabe se ela gosta de palavras picantes e “sujas” na cama, melhor esperar até que se sintam mais confortáveis um com o outro para falar. Mas comece aos poucos, sem exagerar na dose, e analise como ela se sente.

7 – Forçar sexo oral
Nem pense em segurar a cabeça da parceira e guiá-la até sua região genital. Não force o sexo oral. Se ela quiser fazer, sabe o caminho.

8 – Orgasmo muito rápido ou muito tardio
Se você fez um bom trabalho nas preliminares, talvez a ejaculação precoce não a incomode. Mas é melhor corrigir o problema. Também não vale querer prolongar a penetração por 45 minutos, uma hora ou mais, porque pode ficar desconfortável para ela.

9 – Não descartar o preservativo
Depois do sexo, nem pense em deixar a camisinha usada na cama ou em um móvel. Jogue-a no lixo.

15 Surpresas sobre o orgasmo

Descobertas reveladoras – e instrutivas! – sobre aquele momento “ahhhh” que farão sua vida sexual atingir o clímax

1. 70% das mulheres nunca gozaram com parceiros

Eis o resultado de uma pesquisa da Universidade de Chicago (EUA). Então, se ainda não chegou lá, tranquilize-se, pois não está sozinha. “A sexualidade feminina trabalha mais como resposta do que impulso”, diz a ginecologista Denise Coimbra. Logo, o primeiro passo é saber o que a excita.

2. Um orgasmo pode gerar descarga elétrica de até 244 mV (milivolts)

Uma baita descarga de energia – a energia de cinco orgasmos acenderia uma lâmpada! – seguida de contrações musculares involuntárias, em especial na genitália. Sem contar o aumento dos batimentos cardíacos, a aceleração da respiração e a intensa sensação de prazer. Assim é o orgasmo, que dura de oito a dez segundos.

3. Orgasmo na cabeça

Para Maria Helena Vilela, diretora do Instituto Kaplan de Sexualidade, clímax é um fenômeno mais psicoemocional que fisiológico. O estímulo ocorre na vagina, mas a sensação se dá no corpo todo. Assim, o que a impede de chegar lá geralmente são questões psicológicas. Os vilões? Ansiedade, medo e falta de concentração.

4. Clitoriano ou vaginal?

O clitoriano é mais intenso e rápido. O vaginal, embora menos intenso, dura mais. Isso porque o clitóris é uma área muito sensível, que responde mais rapidamente ao estímulo. O vaginal, por sua vez, exige estímulo constante e prolongado até a região ficar bem excitada. Fisiologicamente, no entanto, os dois orgasmos são iguais. Ou seja, uma resposta física e psicológica a estímulos eróticos.

5. Sim, mulher demora mais

Para que o homem fique excitado, seu organismo precisa bombear sangue para o pênis. “O corpo da mulher funciona de forma parecida, mas como nosso órgão sexual é mais complexo, precisamos de mais tempo para isso acontecer”, explica Maria Helena Vilela. A excitação masculina é linear, cresce e atinge o ápice rapidamente. A da mulher é difusa; por isso, exige mais tempo e concentração.

6. Ela teve 222 orgasmos consecutivos!

A autora da façanha é uma dinamarquesa. Ficou com inveja? Apesar de incomum, orgasmo múltiplo é possível. Afinal, não precisamos de muito tempo para nos recompormos após atingir o clímax. Se o estímulo continuar, podemos gozar de novo. Mas a psicóloga e educadora sexual Laura Muller avisa: só 10% das mulheres nascem com predisposição para orgasmos múltiplos.

7. A ejaculação feminina não é lenda

Não há muitas pesquisas sobre o tema e poucas mulheres conseguem ejacular – mas o fenômeno é real. Nele, a mulher libera, pela uretra, um líquido transparente e sem cheiro. “Para isso é preciso ficar muito excitada por um longo período”, explica Maria Helena Vilela. Alguns especialistas assinalam que a ejaculação está ligada ao estímulo no ponto G, localizado cerca de 2 a 3 cm a partir da entrada da vagina.

Casal na cama

No sexo tântrico o homem pode ter orgasmo sem perder a ereção

8. Cochilo pós-coito é uma necessidade masculina

A mulher pode demorar mais para gozar, mas em minutos está pronta para outra. Já o homem necessita de mais tempo para se excitar novamente após o clímax, pois seu organismo demora mais para se recuperar do gasto energético e da descarga do hormônio endorfina. O fenômeno explica porque, depois da transa, os rapazes costumam sentir sono – é o corpo se recuperando.

9. Ovários e útero não interferem no orgasmo

Mulheres que retiram útero e ovários têm tanta capacidade de chegar lá quanto as outras. “Não há relação com órgãos, apenas com hormônios, que alteram tanto a libido quanto a intensidade do orgasmo”, afirma a ginecologista Denise Coimbra.

10. Ahhhh… Que remedinho bom!

Ter um orgasmo queima calorias, favorece o metabolismo, faz bem ao coração, melhora o sono e a função imunológica, alivia cólicas menstruais e reduz o estresse. Efeitos colaterais? Possível dependência!

11. Homens podem ter orgasmo múltiplo  

O orgasmo deles, em geral, vem seguido da ejaculação. Mas clímax é diferente de gozo. Por isso, segundo Maria Helena Vilela, no sexo tântrico (técnica ligada a uma filosofia indiana que trabalha com a energia sexual), os homens podem ter orgasmo sem perder a ereção.

12. Retarda a dor

Durante o orgasmo, o corpo libera uma dose extra de endorfina. “Além da sensação de bem-estar, o hormônio anestesia o corpo”, atesta Maria Helena Vilela. Explicada aquela dorzinha que você só sentiu no dia seguinte? Foi a bendita endorfina!

13. A idade influencia

Na maturidade, as mulheres passam a se conhecer melhor, tendo mais facilidade para chegar ao orgasmo. De outra parte, a menopausa desregula os hormônios, prejudicando a libido. A boa notícia? Com o devido acompanhamento médico, a menopausa perde a briga idade x sexo. E quem ganha é você!

14. Garanta o seu!

Há maneiras naturais de prolongar a ereção masculina. “Evite contato direto com o pênis se sentir que o parceiro está muito perto do orgasmo”, aconselha a sexóloga Maria Helena Vilela. Diminuir o ritmo até que você esteja quase gozando também é um jeito de retardar a ejaculação. Não deu para ele segurar? Então, peça ao gato que continue estimulando você por meio de carícias.

15. A posição faz toda a diferença…

“A dica número um é escolher a mais confortável”, garante Laura Muller. No entanto, algumas favorecem o “ahhh” feminino:

· Deite-se de barriga para baixo e peça para o parceiro penetrá-la por trás.
· Sentada sobre ele, incline-se para trás.
· Deitada de barriga para cima, com uma almofada sob as costas, eleve o quadril e deixe as pernas sobre os ombros do companheiro.

Como enlouquecer um homem na cama

1. Descubra a arte de escolher um bom filme
Homens e mulheres têm gostos diversos. Em linhas gerais, moças gostam de filmes eróticos com enredo, já os rapazes apreciam as cenas de sexo explícito. Então, se a ideia é surpreendê-lo com um filminho, nada de água com açúcar. Que tal perder a vergonha e entrar logo na salinha escondida da videolocadora? Títulos como “Sexxxy Angels” e “Excalibur 2” figuram em listas dos mais pedidos.

2. Se jogue na pista
E invista sem medo de ser feliz em um momento fetichista. Colegial, enfermeira, faxineira, policial e noiva entram na lista das fantasias que fazem mais sucesso nas sex shops.

3. Incremente o estoque de brinquedinhos eróticos
Anéis penianos com vibradores são campeões de vendas nas lojas de produtos eróticos por terem dupla função: o anel ajuda o homem a manter a ereção por mais tempo, enquanto o vibrador estimula o clitóris da mulher. Algemas, vendas e chibatas também costumam fazer sucesso entre quatro paredes.

Getty Images

Para compor o visual, comece com cores básicas e seguras

4. Escolha uma lingerie poderosa
Luciana Keller, proprietária da boutique erótica Constantine, em São Paulo, diz que é preciso ir aos poucos nessa área. “Quando o homem compra lingerie para uma mulher, geralmente escolhe modelos minúsculos de calcinhas nas cores preta ou branca”, diz. “Só os que têm cabeça mais aberta apostam nos modelos vermelhos”. Por isso, ela dá a dica para não errar no primeiro encontro: vá de pretinho básico e, depois de sentir o grau de entusiasmo do rapaz, parta para peças mais abusadas. “Não dá para ir rápido demais e pular da calcinha branca para o corselet vermelho com cinta-liga logo de cara”, diz Luciana. Mas uma coisa é certa: todo homem gosta de mulher vestida com uma lingerie bacana. Se ela for combinada com um scarpin de salto altíssimo, o efeito é ainda mais avassalador.

5. Invista em uma nécessaire erótica
Óleos de massagem, gel lubrificante com sabor, gel que esquenta ou esfria o pênis e velas que, derretidas, liberam um óleo morno com aroma de baunilha estão entre os muitos produtos vendidos nas sex shops para embalar uma boa noite de sexo. 

6. Aprenda a pompoar
Essa técnica oriental, derivada do tantra, consiste na contração e relaxamento dos músculos circunvaginais. É um excelente exercício que aumentará seu poder de controle sobre a cena sexual – o que, acredite, é estimulante para ele também.

7. Momento Cleópatra
Faça como a rainha do Egito no épico estrelado por Elizabeth Taylor e convide seu Marco Antônio para um banho de banheira inesquecível à luz de velas e com direito a essências aromáticas estimulantes, como laranja ou baunilha.

8. Domine alguma arte erótica
E surpreenda com um bom striptease, para deixar seu parceiro enlouquecido de vontade. O burlesco é uma forma de striptease mais teatral, que tem a ver com provocação, contar uma história e a maneira como a performer interage com o público. nullA dançarina Sweetie Bird, expert em burlesca, dá algumas dicas para um strip bem-sucedido. “É preciso ter cara de pau e usar do seu talento com paixão, o resto vem naturalmente”, ensina Sweetie. 

9. Na hora do striptease, o segredo é o bom humor
A dançarina burlesca Sweetie Bird aponta segredos para um show privé :
– Escolha um tema para o seu show. Inspire-se nas famosas pin-ups, por exemplo;
– O figurino deve ser sexy e composto por peças fáceis de serem tiradas;
– Ensaie antes e com a trilha sonora escolhida para pontuar os movimentos;
– Toda mulher pode ficar extremamente sexy em um figurino que valorize seu corpo. Preste atenção aos seus pontos altos e aposte em roupas que destaquem cada um deles. Seios fartos pedem decotes generosos, marque a cintura, dê destaque para o bumbum, para as pernas… Você é a melhor crítica das suas virtudes!
– E o mais importante: não se leve a serio. Tudo o que tem a ver com sexo pede espontaneidade e bom humor acima de tudo. A ideia é se divertir e não seguir regras rígidas. Sweetie Bird recomenda: “Mantenha o ar de naturalidade com um pé no cômico”. 

10. Não tenha pressa na hora do sexo oral
Homens ficam loucos com sexo oral, adoram. E quanto mais tempo você se dedicar a esse tema, mais aumentam as chances de uma boa noite de sexo selvagem na sequência. O segredo é ser delicada, mas manter movimentos vigorosos ao mesmo tempo. Gel comestível com algum sabor deixa essa parte da brincadeira ainda mais gostosa. Não tenha pressa, faça movimentos de vai-e-vem constantes, alternados com suaves lambidas, desça mais um pouco, retorne ao topo. Aproveite o momento para atiçar, além da vontade dele, também a sua. E, acima de tudo, não tenha pressa.

11. Passo a passo básico para o sexo oral
Fazer sexo não é como fazer bolo, não tem receita. Mas o passo a passo abaixo pode dar uma mãozinha valiosa na hora do sexo oral. Para que os movimentos agradem as partes envolvidas, a fisioterapeuta e professora de sexualidade Débora Pádua dá as dicas para que o momento seja altamente prazeroso.

 

– Inicie a brincadeira estimulando o pênis do seu parceiro com as mãos e, em seguida, comece a alternar o movimento com carícias, beijos e lambidas, lembrando-se de tomar cuidado com os dentes. Não é legal morder seu parceiro neste momento.

– Manipule os testículos delicadamente. Lambidinhas nessa área são sempre bem-vindas, mas lembre-se de nunca apertar ou puxar os testículos: dose a pressão dos movimentos prestando atenção ao entusiasmo do seu parceiro.

– Enquanto uma mão trabalha o pênis e os testículos, a outra pode estar ocupada com carícias em outras áreas do corpo do seu parceiro: uma combinação das mais promissoras.

– Entre o saco escrotal e o ânus existe uma área especialmente erógena, a próstata. Estímulos delicados nessa área são muito prazerosos ao homem, mas alguns temem que você avance com seus dedinhos em direção ao ânus. Por isso, Débora explica que é preciso avisar o que você irá fazer ao seu parceiro, isso evita tensões desnecessárias, que podem acabar com o clima.

12. Deixe a luz acesa
Sexo no escuro é uma coisa, já no claro… fica melhor ainda! Homens são muito visuais e adoram ver o que está acontecendo. 

Divulgação

O vibrador delicado não assusta ninguém

13. Escolha os brinquedos eróticos certos
Sozinha você pode escolher os brinquedos que quiser: vibradores em formatos de pênis, no tamanho e textura que bem entender. Já à dois, a brincadeira pede cuidados especiais. Alguns homens não se sentem confortáveis diante de um pênis gigante de borracha com sete velocidades e estímulos vibratórios ao seu dispor. Então, para não errar e assustar o rapaz, opte por produtos mais divertidos. Estimuladores clitorianos em forma de golfinhos, batons, canetas ou pequenos coelhos estão entre os mais cotados nas sex shops. Uma boa dica é usar os estimuladores enquanto ocorre a penetração. 

14. Escolha uma leitura estimulante
Livros inspiradores sobre erotismo são ótimos para aumentar o repertório e incrementar as fantasias que todas nós temos na cabeça. A arte do bom sexo está diretamente ligada a nossa imaginação. A escritora Anais Nin sabia disso já em 1977 quando lançou o clássico “Delta de Vênus” (Editora L&PM). 

15. Menu confiança
Uma taça de vinho, frutas e comidinhas afrodisíacas são ótimas entradas para uma noite de sexo selvagem. Comidas levemente apimentadas e aromatizadas com canela entram na lista de ofertas de um cardápio sedutor. A textura macia do chocolate é ideal para embalar beijos deliciosos. Se você for dessas criaturas animadíssimas na cozinha, pode apostar ainda em um cardápio para o café da manhã, com direito a uma taça de champanhe servida junto com o revigorante cafezinho – isso dará grandes chances de repetir as boas experiências da noite anterior assim que acordar.

16. O cenário ideal
Sexo bom pode ser feito em qualquer lugar (desde que você evite atentados públicos ao pudor, claro). Mas um ambiente caprichado ajuda muito a garantir um climão. Luzes indiretas são essenciais – impossível criar um clima sob luzes frias de escritório, certo? Lençóis limpos e perfumados idem. Velas com aroma de baunilha ou uma essência com esse aroma borrifada no ambiente dão um ar sexy ao cenário escolhido por você. Evite, contudo, parecer profissional demais na decoração, preserve a espontaneidade. Ambientes muito produzidos e movimentos coreografados demais podem gerar ansiedade e colocar tudo a perder. Sexo bom também ter a ver com naturalidade, sem forçar a barra.

17. Figurino avassalador vapt-vupt
Uma simples liga de perna (lembra da Betty Boop?) pode fazer milagres por um figurino sexy. Você pode usá-la sobre uma meia-calça arrastão ou diretamente sobre a pele. Solução sexy e rápida!

18. “Sinta-se sexy e você será sexy”
A frase é o segredo mais poderoso do livro “203 maneira de enlouquecer um homem na cama” (Ediouro). Lembre-se dela antes do seu próximo encontro e não se arrependa!

19. A importância de uma boa playlist
Música boa como pano de fundo para a ação é altamente recomendada. O tom da trilha vai depender do gosto do freguês. Mas tenha em mente que standards do jazz são infalíveis para um clima de sensualidade com muito mais do segundas intenções.

20. Brinque com o imaginário dele 
Peça para ele comprar uma peça de lingerie das mais picantes que encontrar e trazê-la de presente para você no próximo encontro. Esse truque é simples, mas vai mexer com a imaginação do rapaz.

21. Seja você a sobremesa
Depois de um jantar especial, brinque de sobremesa espalhando mel ou calda se chocolate em pontos estratégicos do seu corpo.

Divulgação

A geléia corporal comestível cria um climão

 

22. Exercite-se para o sexo anal
Homens têm especial tara por esse tema, que também muito nos interessa. Por isso, caso você ainda não se sinta confortável a respeito da prática, exercitar-se é uma maneira das mais divertidas para perder o medo e, com o tempo, compartilhar esse prazer com ele. Estimuladores anais (modelos com bolinhas macias de diversos tamanhos), vendidos em sex shops, são ótimos acessórios para treinar sozinha antes de partir para a ação propriamente dita e descobrir, aos poucos, as sensações mais prazerosas do sexo anal.

23. Estimulação anal nele
Homens que gostam de estimulação anal curtem movimentos circulares com a língua na entrada do ânus ou uma leve pressão sobre o períneo. Mas não convém “tentar” avançar o sinal sem ser solicitada e nem entrar na onda sem vontade.

24. Esconde-esconde
Vendar seu parceiro com um lenço é uma boa surpresa para incrementar o sexo oral.

25. E o Oscar das posições favoritas do homem vai para…
A posição “de quatro” é uma das mais cotadas, principalmente por deixar o bumbum bem à vista durante o ato sexual, parte do corpo da mulher favorito da maioria dos homens.

26. Show particular
Homens adoram ver suas parceiras se masturbando, não hesite em testar essa manobra se quiser apimentar uma noite especialmente quente.

27. Abaixo o pijama e a camisola de vovó
Invista em um bom guarda-roupa de baby-dolls e combinações sexy de camisetas com calcinhas. Elas podem ser confortáveis e lindas.

28. Acessórios poderosos 
Experimente o efeito de entrar no quarto vestida apenas com um bom colar de pérolas e um salto poderoso.

29. Faça com ele o que você gostaria que ele fizesse com você
Essa é outra dica apontada no livro “203 maneira de enlouquecer um homem na cama” (Ediouro)”, traduzida literalmente assim: “Sem perceber, seu homem lhe diz exatamente o que o agrada sexualmente, fazendo essa carícia em você primeiro. Dar ao outro o que gostaríamos que ele nos desse na cama é algo que inconscientemente todos fazemos; desse modo, use isso em seu benefício”.

30. Ataque-surpresa
Surpreenda o namorado ou marido com sexo oral praticado sem aviso prévio, no meio da noite ou de manhã, antes de ele acordar. O fator surpresa é muito excitante.

SUPERAÇÃO – COMO VOLTAR À VIDA APÓS A SEPARAÇÃO.

Imagem

 

Às vezes o próprio sofrimento serve de impulso para enxergar novidades bem mais interessantes; em outras, ele serve como liçãozinha para não repetir algumas atitudes completamente descartáveis. Olhe para você, olhe em volta, enxergue o mundo! Confira as dicas de como voltar à vida e, quem sabe, descobrir que ela é muito melhor sem ele.

 

1 – “Doença de amor só se cura com outro”
a primeira dica: “Ninguém morre de amor e muito menos de separação. Se não tiver bichinhos de estimação, compre ou adote. Além de ocupar seu tempo, ele dará a você companhia e o que fazer te tirando de casa pra levá-lo pra passear, por exemplo. E, quem sabe, sendo garantia da próxima paquera no parque… Já dizia a sábia canção: ‘doença de amor só cura com outro’”

2 – Melhore a sua imagem no espelho
Mudar o visual sempre funciona. Você se livra daquela carinha de sofredora desolada e ainda por cima não tem que encarar a velha imagem de quando namorava no espelho. Corte o cabelo de forma arrojada, troque o castanho sem cor por um loiro platinado, faça uma tatuagem. Dê uma de Luana Piovani. Toda vez que a atriz termina um namoro, aparece com um visual novo e sempre mais bonita!

3 – Assuma o controle remoto
“Invista em você e faça tudo o que o outro não te deixava fazer”, recomenda Renata. Seja dona do seu nariz. Se der na telha, saia com as amigas para beber até cair ou se jogue numa pista de dança até as cinco da manhã. “Também vale passar dia inteiro moscando na frente de uma pilha de dvds com o rico cardápio: refrigerante + pipoca + chocolate, sem ouvir nenhum comentário sobre suas tolas comédias românticas alugadas”.

4 – Lembre-se de que nada é para sempre
A escritora Ailin Aleixo dá uma ótima pista em uma de suas crônicas (“Viva e depois esqueça”): “É útil jamais perder de vista um detalhe, afixá-lo no espelho do banheiro, repeti-lo como um mantra: absolutamente nada é para sempre, nem mesmo os sentimentos que parecem ser (a vida seria um lago estagnado se só existisse o perene). Nunca mais haverá amor como aquele? Ótimo, porque o novo é tão imenso que seria um desperdício se algo se repetisse. Todo mundo passa. E é bom que seja assim.”

5- Acerte um alvo
Dar uma de metralhadora giratória pode funcionar. Atire para todos os lados, se jogue. Lembra daquele cara estranho que sempre te dava carona? Quem sabe ele não é o rei do sexo e vai te mostrar coisas incríveis na cama! Perdeu a esperança nos homens? Bom, ir com as amigas a uma balada gay pode ser surpreendente!

6 – Volte para o ninho, pelo menos um pouquinho
Mãe nessas horas se transforma em santa! Passe um fim de semana recebendo carinho, mimos e aquela sua comidinha preferida. Durma na cama que você usava quando criança (ainda bem que ela não desmontou o seu quartinho, né?) e abrace seu velho ursinho que te protegia do bicho papão. Família nessas horas pode ser um excelente remédio. Mas se a sua mãe for daquelas que são loucas pelo ex da filha… Não dê notícias por seis meses!

7 – Terceirize a faxina
Nada de organizar a casa! Arrumar CDs e estante de livros é morte na certa. Você sempre vai encontrar um bilhetinho antigo no meio ou lembrar daquela música que vocês adoravam ouvir enquanto preparavam o jantar. A dica aqui é investir uma graninha na faxineira e pedir pra ela criar uma nova arrumação pra casa. Se encontrar alguma coisa que pertença ao ex, peça pra ela enfiar numa caixa, escrever CHINA e colocar no correio.

8 – Mantenha-se ocupada
Ocupe o tempo que tinha livre para ele com qualquer outra atividade que te dê prazer. “Um curso intensivo de leitura de mãos, um intercâmbio urbano em spa com tratamentos por um mês e meio ou um novo hobby. Assim você evita de ficar pensando no infeliz e não corre o risco de ligar correndo pra ele quando a saudade bater”.

9 – Respeite seus limites
Uma psicoterapeuta de casais e família, lembra que quebrar o vínculo com quem se foi tão íntimo é quase impossível. “O tempo cura isso e o distanciamento é inevitável, mesmo que a separação tenha sido amigável. É, acima de tudo, essencial para o recomeço da sua vida”, diz ela. Ela recomenda que você não se sinta na obrigação de entender tudo, compreender o que o outro sente, o que está acontecendo e nem se culpe por ataques de ciúmes e posse.

“Tente ser amigável, sim, mas respeite seus limites. Se você sofre ao ouvir que o outro saiu com amigos, não pergunte e não procure saber. Do lado oposto, não nutra ódio ou revanche. No fundo esses sentimentos também são a maneira, negativa, de não cortar o vínculo – e cortar o vínculo é um processo lento, doloroso e necessário. Melhor não falar com o ‘ex’ do que ficar brigando e tramando vingança. Melhor para você”.

10 – Viaje para aquele lugar que sempre quis conhecer
Se tiver um pé de meia ou, no mínimo, coragem para se lançar no desconhecido, faça como a jornalista norte-americana Elizabeth Gilbert: para superar as crises vindas com o fim de seu casamento ela fez uma viagem de um ano pelo mundo, sozinha. Além de se curar daquelas dores, a escritora conheceu pessoas ainda mais interessantes, escreveu um livro que virou best-seller (“Comer, Rezar e Amar”), ficou rica e famosa e, de quebra, conheceu um novo amor.

19 MANIAS FEMININAS QUE OS HOMENS ODEIAM

Imagem

 

1. Fazer listinha para tudo.
Pois é, a gente faz listinha pra tudo mesmo… Listinha para o sacolão, listinha para o supermercado, listinha dos livros que quer ler, listinhas dos presentes de Natal, e o pior: listinha de comportamentos masculinos que nos irritam!

2. Reclamar de hábitos masculinos por serem tipicamente masculinos.
É verdade que deixar a tampa do vaso sanitário levantada, a toalha molhada em cima da cama, e a cueca suja jogada no chão do banheiro nos irritam mesmo. Só que não adianta ficarmos reclamando disso eternamente, afinal, são comportamentos tipicamente masculinos, inerentes à personalidade de qualquer varão “normal”. São esses deslizes irritantes que eles cometem que fazem deles o que são, tão diferentes de nós, e por isso mesmo, tão irresistíveis!

3. Esnobar o cara quando ele fica te ligando direto, e reclamar (e até chorar) nos dias em que ele não liga.
O negócio é o seguinte: as mulheres gostam de atenção. Mas tudo que é em excesso é ruim. Ligar demais é ruim, ligar de menos também. Mas esnobar o cara só porque ele está afim de você, e você não está afim dele… aí já é sacanagem. Melhor abrir o jogo de uma vez, ou então, se for namorado, combinar de se falar às tantas horas somente, X vezes por dia, porque senão enche o saco mesmo. Quando ele não te ligar, não se estresse. Todo mundo precisa de um tempo, de ter seu próprio espaço. Você também não precisa do seu?

4. Dar ouvidos a conversas de amigas solteiras (ou insatisfeitas com seus homens), e que fazem questão de ficar ensebando o seu relacionamento.
Pois é. Aí é difícil mesmo evitar. No entanto, a gente tem que ter em mente que o que conta mesmo em matéria de relacionamento é a nossa opinião, o nosso coração. Cada um é de um jeito, e as pessoas muitas vezes dão conselhos ruins (porque se conselho fosse bom, a gente vendia…). Já ouviu aquele ditado: em briga de marido e mulher não se mete a colher? É bem por aí…

5. Querer mudar o estilo (ou a falta de.) de seu namorado.
Não adianta querer que ele use aquela camiseta pink descoladíssima da Calvin Klein que você pagou o olho da cara para presenteá-lo, pois ele sempre terá que ter a última palavra no quesito roupa. E teimará em usar a camisa surrada dele do Wolwerine, ou aquela outra com o desenhozinho “Xô Stress” (que ele comprou há 10 anos quando foi à Bahia)… Mesmo que para você ele não tenha nenhum estilo, isto, por si só, já é um estilo. Viva com isso!

6. Perguntar pra ele se você está gorda.
Acredite, todo homem odeia isso, sem exceção. Sabem por quê? Porque eles simplesmente não sabem o quê responder. Se você realmente estiver um pouco acima do peso e ele responder que sim, está gorda, pronto, divórcio na certa. Se ele disser que você tem a cinturinha da Barbie, quando você sabe que é mentira (pois isso é humanamente impossível), vai rolar stress do mesmo jeito. Então, minha amiga, confie no seu taco, se ache a gostosona, e não pergunte!

7. Perguntar a ele que roupa você deve vestir.
Nananinanão. Nunca pergunte isso. Homem não entende nada de moda (nem da masculina), não sabe nem a hora em que está com fome, e você ainda quer que ele escolha entre o vestidinho floral ou a calça jeans com bata frente única? Sem contar que a melhor roupa para você usar, na cabeça dele, é a mais fácil de despir!!! Neste caso, novamente, vale a regra do confie no seu taco. Ele te achará linda de qualquer jeito.

8. Tomar banho de perfume.
Não vá pensando que quanto mais eau de toillete você passar, mais linda seu homem vai te achar. Acredite: ele prefere você sujinha, com aquele cheirinho de “fêmea”, que exalando J’Adore. Sejamos realistas: se você não consegue ficar sem usar perfumes, seja ao menos comedida.

9. Cismar que em qualquer angu tem caroço.
Mulher tem essa mania de cismar com qualquer coisinha.
– achar que ele vai encontrar a “princesa encantada” no boteco copo-sujo;
– achar que está cheio de mulher dando mole no campo society;
– achar que se ele falou A, é porque ele quis dizer B.
É aquela coisa de sempre querer encontrar chifre em cabeça de cavalo, cachorro no mato e caroço no angu. É que a gente esquece que homem tem um modo de pensar totalmente diferente de mulher… Se a gente não cismasse tanto, a vida seria bem mais fácil, para ambos os lados!

10. Ciúmes.
Aí é que mora o perigo. Este sentimento besta, possessivo e infantil, que nos faz subir pelas paredes, xingar a própria mãe, arrancar os cabelos e amaldiçoar até a 5ª geração dele. Não adianta querer competir com os amigos ou a família dele, meu bem, você vai perder. Sempre. Exemplos de chiliques por ciúmes mega irritantes:
– achar que ele está comendo toda mulher com que trava um mísero diálogo;
– achar que, quando ele dá licença para uma moça passar na frente no ônibus ou em qualquer outro tipo de fila, está querendo comê-la.

11. Querer que ele perceba de cara a sua mais recente “mudança radical”.
E por mudança radical, entenda: cortar a unha do mindinho do pé ou fazer a sobrancelha. Acredite, a não ser que você tenha o cabelo grande batendo na bunda, e resolver fazer um corte a lá Joãozinho, ou que pinte seus cabelos pretíssimos de loiro oxigenado, é impossível para um homem macho-chô notar qualquer diferença em você. Pode até ser que ele te ache mais bonita, diferente… Mas nunca, nunquinha, descobrirá sozinho o porquê. Nem adianta brigar, just deal with it!

12. Lavar a própria lingerie no chuveiro e deixá-la dependurada na torneira do box.
É verdade. Por mais linda que você fique com a sua calcinha e seu soutien, entenda que elas ficam bonitas no seu corpor, e não molhadas a secar no box do banheiro. Eles sabem que estão limpas, mas mesmo assim têm nojo e acham isso horrível! Melhor levar pra área de serviço e pôr para secar no varal, e assim evitar constrangimentos e encolhimentos indesejados (com trocadilho).

13. Querer conversar na hora do jogo de futebol.
Nesta hora, os homens simplesmente não querem conversar. Não adianta dizer que a casa está pegando fogo, ou que sua mãe teve um ataque cardíaco, ou ainda, que a sua lipo ficará em “só” R$ 10.000,00. Futebol é futebol. São 23 homens em campo por causa de uma bola. Mas é futebol, ponto. E não se fala mais nisso.

14. Falar mal da mãe dele, para ele.
Todo homem tem aquele complexozinho básico de Édipo, e suas mães, por mais jararacas que sejam, serão sempre as Deusas do universo, as mais perfeitas, lindas, maravilhosas e angelicais criaturas que o Todo Poderoso já criou. Se não quiser ficar solteira, melhor fechar o bico, tratar bem a sogra, e não falar um A sobre ela (com ele).

15. Falar mal dos amigos dele, para ele.
Idem acima. Acredite, seu homem sabe que os amigos dele são isso e aquilo, que eles são as piores pestes do mundo, são escrotos, mal-educados, fedorentos e só falam putaria. Mas são os amigos dele, poxa! E como já foi dito alhures, nem pense em competir ou difamar!

16. Adorar fazer compras, a qualquer hora, em qualquer lugar.
Pode ser na feirinha da rua de baixo, na galeria da esquina ou no shopping. Até em supermercado e farmácia mulher adora comprar. Parar na frente de qualquer vitrine iluminada, e obrigar seu homem a parar junto, para ele é muito irritante, o tanto quanto possa ser irritante para você ficar assistindo o jogo do XV de Piracicaba x Democrata de Sete Lagoas.

17. Achar que sempre está certa numa briga do casal.
É claro que, em 99% das vezes, estamos certas. Mas não custa nada ter um pouquinho de humildade para entender e ouvir o lado dele. Vai que o 1% resolve dar o ar de sua graça? Neste caso tem que admitir que estava errada e colocar o rabo entre as pernas mesmo.

18. Ser sensível ao extremo.
Homens gostam de mulheres sensíveis e carinhosas. Mas acham ridículo e irritante mulher que chora por qualquer coisinha! Controle seus nervos, amiga, mas seja você mesma e não perca a sua essência, jamais!

19. Usar de manifestação oral indireta para falar de nossas vontades.
Ao invés de sermos diretas, temos mania de só dizer as coisas indiretamente, e isto é extremamente trabalhoso e irritante para qualquer homem, que tem que ficar raciocinando e tentando decifrar nossas vontades a todo tempo. Por exemplo, dizer “Ai amor, estou toda arrepiada com este ventinho gelado!” Ao invés de pedir, simplesmente, para ele fechar a janela.